segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Close the door.

Sinto muito, eu não posso deixar.
Sei que por vezes você se debate e me sacode para que eu abra a porta e deixe-o sair, mas desculpe-me, eu não posso.
Não consigo me imaginar nesse quarto sem você aqui. Sem os vestígios de sua presença aqui.
Claro que ter apenas uma camisa com seu perfume e imagens soltas que eu vejo em paredes brancas não é a mesma coisa que tê-lo pessoalmente, mas ainda é algo de você e não posso deixar esse algo ir embora também.
Sinto muito, mas não posso abrir a porta.
Eu não consigo imaginar esse quarto sem as tuas lembranças. Por vezes, implorei e briguei comigo mesma querendo me impedir de mudar algo.
Por vezes lutei por dentro e modifiquei coisas.
Mudei de casa, de quarto, coloquei móveis novos, tirei móveis antigos.
Mudei as coisas de lugar e joguei fora roupas que me lembravam você.
Queimei cartas, rasguei cartões, corte fotos.
Mas nada.
Você ainda continua em mim. Chorei tudo o que tinha e podia pra tentar te lavar daqui, mas nada adiantou.
Te sinto aqui, hoje, tanta quanto te sentia há anos atrás. E por mais que você me olhe e lacrimeje pedindo que eu lhe deixe ir, eu não deixo.
Sei que me machuca, me dói e me corrói manter essa lembrança tão fixa em mim, mas já não suporto a ideia de te ver partir totalmente.
Preciso de você e dessa coisa que me alimenta.
Eu sigo sorrindo e 'amando' e vivendo, mas te trago em mim.
Então desculpa, mas não tenho forças pra abrir a porta e te deixar partir.
Mesmo que você não esteja mais comigo, eu vou sim, me agarrar a sua lembrança.

5 comentários:

• || Rai || • disse...

Pootz, fica realmente difícil esquecer alguém por completo. Sempre tem aquele lugarzinho para ela já meio morno, mas qualquer coisa que faça lembrar dele, o local reacende, flamejando. Assim a vontade de ter aquela pessoa volta... damn'it!
Tomara que vc consiga acalmar as lutas que rondam seu corazãozinho ^^

Obrigada pelo parabéns! :D

Bjos!

Ahh... Line. disse...

essas coisas corroem... ow: ce não me segue! Reparei hj... hehehe

Ahh... Line. disse...

tava falando do blog, mas já te dei um follow no twittz tb flor!

beeeijos!

Valéria disse...

Detalhes que marcam...
e marcam muitooo
O amor, esse tirano né?
sempre deixando marcas na alma

http://myobsessionn.blogspot.com/

barbara brugnerotto disse...

uaal, quanta intesidade. Achei o blog do nada e gostei. volto sempre =) Parabéns!