sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Uma parte de mim

Uma parte de mim está a gritar.
Ela está aqui dentro gritando incansavelmente pelo teu nome.
E eu a mantenho presa.
Ela se debate entre as paredes acolchoadas enquanto o grito é sufocado no vazio sem se propagar para o lado de fora.
Eu não quero que você a ouça. Não quero que ninguém a ouça.
E ela continua a gritar.Chama,clama,grita,implora por você. Implora e chora.
Mas ela vai ficar presa. Vai permanecer presa. Por paredes brancas e a prova de som. Paredes chamadas de orgulho.
Não.
Eu não vou deixar que ela se jogue aos seus pés implorando por um beijo apenas pra alimentar o insaciável desejo de ter sua saliva em sua boca.
Eu não vou deixar que ela corra até cansar as pernas apenas pra implorar que você a olhe mais uma vez nos olhos.
Eu não vou deixar que ela grite até perder a voz apenas pra ter sobre si um segundo de tua atençao.
Eu não vou deixar.
Eu vou mantê-la presa. E vou tapar-lhe a boca, e amarrar-lhe ao pé da cama.
Vou fazer de tudo pra que ela não volte atrás e resolva tentar mais uma vez.
Não vou alimentar esse vício chamado você.

5 comentários:

Karol Melo disse...

Caramba, gostei bastante desse texto. Me indentifiquei muito porque é bem parecido com uma situação que passei a pouco tempo. Parabéns!!

Ahhh *--* Valeu pelos elogios aos meus textos *---*

Beijos

Saori disse...

Parabéns pelo texto, como sempre ficou lindo!! Daria uma ótima música esse texto, com um som bem carregado e triste. Ficaria muito bom *imaginando*.
Bjs!!

rui disse...

O texto está excelente........
gostar de alguem que nao nos liga nem sequer nos dá atencao e revoltante ....o melhor é defacto esquecer quem näo merece o nosso amor o nosso carinho ,,há é dificil
será sempre dificil ,,,,, mas melhor assim que viver na ilusao de algo que nunca vai acontecer,,,,
fique bem Amanda ,,,,,boa semana para Si

Um beijo
Rui

mille. disse...

Muito bom !
Cuidado, as vezes esses gritos presos,enlouqueçem.Ou pode ser que depois se arrependa por não ter gritado.
:*

Guébi-Chan disse...

gostei do texto...profundo...e me lembra certas coisas da minha vida

muito bom!! ^_^