quarta-feira, 13 de maio de 2009


Não adianta mais.
Não perca seu tempo inventando novas desculpas ou explicações para a forma como você age.
Eu já não caio em seus truques fajutos, suas lamentações falsas ou em suas palavras enganadoras. Seu arrependimento, suas lágrimas, seus discursos ensaiados já não surtem efeito sobre mim.
Sua interpretação fingida e suas promessas sem valor não vão me fazer voltar atrás. Eu já não caio em suas armadilhas elaboradas, em suas situações estrategicamente forçadas ou seus pedidos de perdão repetitivos.
Eu já vesti minha armadura reluzente contra você. Seus sorrisos, olhares e conversas já não me iludem, já não me fazem tremer ou ficar com o coração acelerado. Toda essa sua representação mal feita já não me convence.
Sua máscara caiu e eu já vi sua verdadeira face, por isso não adianta mais. Pode preparar um novo script para a sua próxima peça teatral bem longe de mim...
Porque nesse palco aqui você não encena mais.

6 comentários:

mille. disse...

MUITOOOOOOOOOOO BOM :D

Saori/Lulu disse...

Forte!! Esse poema me passou a mensagem de uma decepção muito grande e com o tombo, a pessoa se levantou e aprendeu que podem existir amigos/namorados que não sentem nenhum carinho e sim interesse.

T. disse...

Bem... Você sempre me pedio para fazer um comentário XD

E para esse eu vou fazer , mesmo que não seja o meu favorito.

Só tenho exatamente uma coisa a dizer alem do quê já foi dito:

OWNED XD

Muito sugoi como sempre, Amandinha-chan ;3

Arlequim disse...

Quando a mascara cai não adianta..
Mas acho que assim é melhor..
Beijão, amandinha ;)

Danielle Cristina disse...

nossa, de chocar, é isso ai, mulher de atitude, aquela que não aceita ser pisada jamais, aliás, todas nós deveriamos ser menos bobas e mais duras com o mundo !

Samael disse...

Gostei da mascara caindo e mostrando a verdadeira ,